AbcMed
Vida Saudável - 01/11/19
As células-tronco1 são a matéria-prima do corpo. Elas dão origem a todas as outras células2 dos diversos órgãos, com funções especializadas. Em alguns casos, elas também têm a capacidade de regenerar e/ou reparar tecidos danificados.
1 Células-tronco: São células primárias encontradas em todos os organismos multicelulares que retêm a habilidade de se renovar por meio da divisão celular mitótica e podem se diferenciar em uma vasta gama de tipos de células especializadas.
2 Células: Unidades (ou subunidades) funcionais e estruturais fundamentais dos organismos vivos. São compostas de CITOPLASMA (com várias ORGANELAS) e limitadas por uma MEMBRANA CELULAR.
   [Mais...]

As moléculas de açúcar1 complexas chamadas mucopolissacarídeos são partes essenciais de muitos tecidos corporais. As mucopolissacaridoses (MPS) são um grupo de doenças metabólicas herdadas, causadas pela ausência ou mau funcionamento de certas enzimas necessárias para metabolizar as longas cadeias de carboidratos chamadas de glicosaminoglicanos (anteriormente chamados mucopolissacarídeos).
1 Açúcar: 1. Classe de carboidratos com sabor adocicado, incluindo glicose, frutose e sacarose. 2. Termo usado para se referir à glicemia sangüínea.
   [Mais...]

Vida Saudável - 30/10/19
A saliva é uma secreção aquosa transparente secretada pelas glândulas salivares1 exócrinas, diretamente na cavidade bucal. Cerca de 99% dela é constituída por água e 1% por proteínas2, glicoproteínas e íons3.
1 Glândulas salivares: As glândulas salivares localizam-se no interior e em torno da cavidade bucal tendo como objetivo principal a produção e a secreção da saliva. São elas: parótidas, submandibulares, sublinguais e várias glândulas salivares menores.
2 Proteínas: Um dos três principais nutrientes dos alimentos. Alimentos que fornecem proteína incluem carne vermelha, frango, peixe, queijos, leite, derivados do leite, ovos.
3 Íons: Átomos ou grupos atômicos eletricamente carregados.
   [Mais...]

A insônia familiar fatal (IFF) é uma doença genética autossômica1 dominante, extremamente rara, que afeta uma parte do cérebro2 conhecida como tálamo3, que é o principal responsável por controlar o ciclo de sono e vigília do organismo. A afecção4 foi descrita pela primeira vez em 1986 por Lugaresi e colaboradores.
1 Autossômica: 1. Referente a autossomo, ou seja, ao cromossomo que não participa da determinação do sexo; eucromossomo. 2. Cujo gene está localizado em um dos autossomos (diz-se da herança de características). As doenças gênicas podem ser classificadas segundo o seu padrão de herança genética em: autossômica dominante (só basta um alelo afetado para que se manifeste a afecção), autossômica recessiva (são necessários dois alelos com mutação para que se manifeste a afecção), ligada ao cromossomo sexual X e as de herança mitocondrial (necessariamente herdadas da mãe).
2 Cérebro: Derivado do TELENCÉFALO, o cérebro é composto dos hemisférios direito e esquerdo. Cada hemisfério contém um córtex cerebral exterior e gânglios basais subcorticais. O cérebro inclui todas as partes dentro do crânio exceto MEDULA OBLONGA, PONTE e CEREBELO. As funções cerebrais incluem as atividades sensório-motora, emocional e intelectual.
3 Tálamo: Corpos pareados (contendo principalmente substância cinzenta), que formam uma parte da parede lateral do terceiro ventrículo do cérebro. O tálamo é a maior porção do diencéfalo, sendo geralmente dividido em agregados celulares (conhecidos como grupos nucleares).
4 Afecção: Qualquer alteração patológica do corpo. Em psicologia, estado de morbidez, de anormalidade psíquica.
   [Mais...]

O termo extrassístole significa uma batida extra do coração1, podendo ocorrer tanto nas câmaras mais altas desse órgão (átrios), como nas câmaras mais baixas (ventrículos). As extrassístoles são, pois, batimentos isolados que ocorrem antes do que seria esperado.
1 Coração: Órgão muscular, oco, que mantém a circulação sangüínea.
   [Mais...]

Saúde da Mulher - 25/10/19
A síndrome1 da congestão pélvica2, também conhecida como refluxo da veia ovariana, se caracteriza por dor pélvica2 crônica e dor no abdome3 inferior. Esta síndrome1 afeta aproximadamente 13 a 40% das mulheres.
1 Síndrome: Conjunto de sinais e sintomas que se encontram associados a uma entidade conhecida ou não.
2 Pélvica: Relativo a ou próprio de pelve. A pelve é a cavidade no extremo inferior do tronco, formada pelos dois ossos do quadril (ilíacos), sacro e cóccix; bacia. Ou também é qualquer cavidade em forma de bacia ou taça (por exemplo, a pelve renal).
3 Abdome: Região do corpo que se localiza entre o TÓRAX e a PELVE.
   [Mais...]

AbcMed - 24/10/19
O luto é um conjunto de reações a uma perda significativa, geralmente pela morte de um ente querido. Este último adjetivo deve ser levado em grande conta, porquanto não há grande reação quando não há grande interesse pelo que foi perdido. Quanto maior o apego ao algo perdido, maior o sofrimento do luto.   [Mais...]
Define-se como abuso de drogas o uso de qualquer substância utilizada para fins não médicos, capaz de produzir uma alteração tida como agradável no estado de ânimo e no comportamento do indivíduo e que, por isso, leva-o ao desejo incontrolável de tomá-la novamente. A dependência de drogas é uma doença que afeta o cérebro1 da pessoa e leva a que ela tenha incapacidade de controlar o uso de determinadas substâncias como o álcool, a maconha e a nicotina, por exemplo.
1 Cérebro: Derivado do TELENCÉFALO, o cérebro é composto dos hemisférios direito e esquerdo. Cada hemisfério contém um córtex cerebral exterior e gânglios basais subcorticais. O cérebro inclui todas as partes dentro do crânio exceto MEDULA OBLONGA, PONTE e CEREBELO. As funções cerebrais incluem as atividades sensório-motora, emocional e intelectual.
   [Mais...]

Pele saudável - 22/10/19
Manchas na pele1 são alterações localizadas na coloração da pele1. Algumas são congênitas2 ou hereditárias; outras adquiridas ao longo da vida. Umas devem-se a fatores internos do próprio organismo como, por exemplo, o vitiligo3; outras a fatores externos, como a exposição ao sol.
1 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
2 Congênitas: 1. Em biologia, o que é característico do indivíduo desde o nascimento ou antes do nascimento; conato. 2. Que se manifesta espontaneamente; inato, natural, infuso. 3. Que combina bem com; apropriado, adequado. 4. Em termos jurídicos, é o que foi adquirido durante a vida fetal ou embrionária; nascido com o indivíduo. Por exemplo, um defeito congênito.
3 Vitiligo: Doença benigna da pele, caracterizada pela ausência de pigmentação normal nas regiões afetadas, frequentemente face e mãos. Hoje já há tratamento, porém este é demorado e com resultados variáveis de pessoa para pessoa. CÓDIGO INTERNACIONAL DE DOENÇAS (CID): L80- VITILIGO.
   [Mais...]

O afeto pseudobulbar (ou transtorno da expressão emocional involuntária1) é um descontrole emocional que se evidencia por episódios de riso e/ou de choro incontroláveis que podem estar completamente dissociados do estado de ânimo do paciente e tendem a ser desproporcionais ou contraditórios com o estímulo que o produziu.
1 Involuntária: 1.    Que se realiza sem intervenção da vontade ou que foge ao controle desta, automática, inconsciente, espontânea. 2.    Que se encontra em uma dada situação sem o desejar, forçada, obrigada.
   [Mais...]

Mostrar: 10
< - 1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6 - > - >>
11 a 20 (Total: 1989)
  • Entrar
  • Assinar